top of page

O Mundo Frozen e um Ato de Amor Verdadeiro


As pessoas não estão felizes nos seus trabalhos. Mais que isso, o trabalho está matando as pessoas.

Uma pesquisa realizada pelo professor de Stanford, Jeffrey Pfiffer, e publicada em seu livro Morrendo por um Salário, mostra que 120 mil pessoas morrem por ano nos EUA em decorrência de problemas gerados no trabalho e as empresas têm um gasto anual de U$ 300 bilhões em planos de saúde no tratamento de doenças crônicas geradas pelo stress.

Uma enquete, realizada no portal Glassdoor em 2020, aponta que 70% dos entrevistados pretendem deixar seus trabalhos atuais e menos de 25% desse total se deve a insatisfação financeira. A principal razão, quase 30%, corresponde a necessidade de buscar algo que se aproxime mais ao próprio propósito de vida, seguido de oportunidade de crescimento , qualidade de vida e melhor relação com a liderança.

Isto está acontecendo porque nossas organizações, representadas por nossas lideranças, conduzem as relações dentro e fora das organizações de uma forma que leva a um estado de frozen heart. Esse é um estado de defesa do ser humano quando ele não se sente capaz de lidar com algo, quando se sente menor, mais frágil do que as circunstâncias, o que acaba levando a um estado de frozen mind – um estado de ignorância deliberada, um certo cinismo, e por consequência, com o passar do tempo, a um estado de frozen will, um congelamento da vontade – um entorpecimento do encorajamento, uma sensação de que não conseguirá fazer diferença.

Quem nunca experimentou isso que atire a primeira pedra.

Mas há um sol esperando por nós! na verdade como diz o poeta Beto Guedes, a lição sabemos de cor (nosso coração sabe), só nos resta aprender. São 3 movimentos para trazer de volta o calor para as nossas vidas, uma vida que respeite nossa humanidade.

Movimento 1descongelar o coração – despertar nossa consciência de conexão com o todo – a consciência de que estamos todos conectados e não há nada que eu faça que não lhe afete de alguma forma – de um simples sorriso a minhas decisões de investimento.

Movimento 2descongelar a ignorância – buscar conhecer outras narrativas, outras realidades fora de nossas bolhas existenciais. Isso ajudará a aumentar a compaixão no mundo, a derrubar as fronteiras que nos separam, inclusive dentro de uma mesma empresa.

Movimento 3descongelar a vontade – promovendo mais espaços para ações autorais dentro de nossas organizações, espaços para contribuições que expressem os anseios de nossas almas.

Nós temos escolha: deixar como está e continuar fomentando um mundo de zumbis corporativos ou iniciarmos um movimento corajoso que crie ambientes onde haja mais espaço para “atos de amor verdadeiro”e as pessoas possam ser mais felizes trabalhando. Como nos anima Raj Sisodia:


Podemos criar Organizações que curam. Acredito que o amor não revelado seja o recurso mais abundante no planeta”.


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page